Artigo

Brincar ao ar livre aumenta anticorpos e a alegria.

Brincar ao ar livre aumenta anticorpos e a alegria.

18 de setembro de 2017

Hoje em dia a maioria das crianças ficam dentro de casa e não saem da frente de tablets, videogames e computadores. Porém, ao contrário do que parece, ficar dentro de casa prejudica as defesas da criança quando o assunto é imunidade e saúde. Crianças que vivem em ambientes extremamente limpos e estéreis são as mais propensas a desenvolver alergias. Conviver com a natureza e estar ao ar livre é importante para desenvolver a imunidade, pois ter contato com certos vírus e bactérias presentes no meio ambiente é a forma do organismo criar anticorpos.

Brincar em parques, ter contato com um bichinho de estimação, correr descalço, fazer castelos de areia e sujar a roupa são atitudes saudáveis, que não só promovem a diversão, mas colaboram para uma qualidade de vida muito melhor.

Ter um bichinho de estimação pode fazer muito bem à saúde dos filhos. Na saliva de cães e gatos estão presentes bactérias que liberam substâncias estimulantes do sistema imunológico dos pequenos, que desenvolve uma certa tolerância aos agentes externos. Crianças que tem contato com animais são menos propensas a alergias do que aquelas que não convivem com um bichinho.

É importante salientar que as crianças, principalmente os bebês, podem, sim, desenvolver algumas infecções ou viroses que comprometem o sistema respiratório pelo fato de se tratar de um primeiro contato com um agente externo desconhecido pelo organismo, porém, com o amadurecimento das diversas funções do sistema imunológico, tudo isso se torna bem menos frequente com o passar do tempo.

Assim, além do leite materno, uma alimentação saudável é essencial para suprimir as necessidades de ferro e vitaminas essenciais para o bom funcionamento do sistema imunológico. As vacinas também propiciam a imunidade para diversos agentes infecciosos, pois colocam a criança em contato com os vírus sem que haja riscos da doença propriamente dita. Por isso as vacinas são tão importantes e devem ser administradas nas idades recomendadas.

O importante é criar condições para que o organismo possa se desenvolver de forma equilibrada. As crianças devem ter contato com a natureza e com os animais, desde que aprendam a importância de uma alimentação saudável e dos hábitos de higiene, como lavar as mãos após brincarem, usar o banheiro e ao chegarem em casa.

Vale superar o medo da sujeira para que se possa estimular o contato das crianças com a natureza por uma vida mais saudável e divertida.

VOLTAR